Dicas para os pais

Cuidados com os dentes dos pequenos

 

 

 

A escovação

 

Crie um ambiente seguro para a escovação do seu filho.


Coloque um banquinho firme para que ele alcance a pia. Use um copo pequeno com água para ele enxaguar a boca, ao invés de ele se esticar na pia para alcançar a torneira.

 

Evite acidentes!

 

E lembre-se, os dentes de leite são tão importantes quanto os permanentes! Eles auxiliam na alimentação, na fala e no desenvolvimento dos ossos da face, além de manterem espaço para os dentes permanentes.

 

Creme dental com ou sem flúor?

 

 

Somente em 2015, a Academia Americana de Pediatria aprovou o uso do creme dental COM flúor desde o primeiro dente do bebê.

Havia o temor de que o creme dental engolido pelos bebês levasse à fluorose, que provoca manchas brancas nos dentes permanentes. Para que isso não ocorra, o
 cuidado deve estar na quantidade de pasta colocada na escova: o equivalente ao tamanho de um grão de arroz.

Na hora de escolher a pasta, os pais devem procurar por produtos que tenham uma concentração de flúor entre 1100 e 1450 ppm.
 

Até os 4 anos, a criança não tem maturidade neurológica para cuspir a pasta de dentes. Por isso, ela acaba engolindo, o que pode causar a fluorose. Daí, a necessidade de supervisionar sempre a escovação do seu filho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Além de trazerem prejuízos para os dentes e a mastigação, eles também prejudicam a respiração e a fala.

A criança deve abandonar esses vícios entre os 3 e 4 anos de idade.

Seguem algumas dicas :

Para crianças que colocam o dedo na boca, esparadrapo no dedo, esmaltes com gosto e até mesmo pimenta no dedo podem ser usados. Luva também é uma ótima idéia.

Já a chupeta pode ser trocada por uma atividade ou por um presente. Distrair a criança quando ela pede a chupeta também é muito eficaz.

“Vamos no parquinho e deixar a chupeta lá”, “Vamos trocar por um presente no seu aniversário” ou “Vamos entregar pro coelho da páscoa que vai trazer os ovinhos” etc…

O importante é que tudo aconteça de forma natural. A criança precisa ser motivada e não criticada.

 

Consequências do uso da chupeta e do hábito de chupar o dedo

 

"Mãe, meu dente está mole"

 

 

 

Chegou a hora de tirar o dente? Quem deve fazer isso?

 

A mastigação de alimentos duros e fibrosos favorece o processo de esfoliação natural dos dentes de leite. No entanto, quando se trata do primeiro dente a ser extraído, o melhor é procurar um cirurgião dentista.

 

E se você se sente seguro para fazê-lo, não deixe que esse momento vire um trauma para o seu filho. Faça com que ele participe de cada detalhe, como cortar a gaze e pegar o pedacinho de algodão.

 

ERROS que não devem ser cometidos quando os dentes estão moles:

- PRENDER NA PORTA: o método do fio dental amarrado na maçaneta da porta. Além de muito traumático, pode levar à fratura da raiz e provocar dor.

- MEXE MEXE COM A MÃO: não é errado, mas se o dente estiver mole, o ideal é esperar que ele caia naturalmente.

 

Depois que o dente for extraído, o local deve ser pressionado com auxílio de uma gaze para conter o sangramento. 

 

 
Responsável técnico
 
Dra. Sheila R. Sanda
Formada pela USP - São Paulo e especialista em Periodontia pela FFO - USP
CRO 99923
 
Contato e Localização
(12) 3432 3242
(12) 99782 5023 
specialiteodontologia@gmail.com
Rua Venezuela, n.90- Jardim das Nações
Taubaté- S.P.